A importância da Pesca Sustentável para cuidar da saúde dos nossos oceanos

Partilhar artigo

Pescar de forma sustentável não é uma opção, é o nosso dever! Explicamos tudo sobre como cuidar dos nossos oceanos.

Sabia que, segundo as Nações Unidas, mais de 3 mil milhões de pessoas dependem dos oceanos como fonte principal de proteínas? E que a pesca marinha emprega direta ou indiretamente mais de 200 milhões de pessoas?

O mar é a maior fonte de vida do nosso planeta, mas os seus recursos não são ilimitados. As práticas de pesca podem prejudicar a biodiversidade marinha. O desaparecimento de espécies não só significa uma tragédia para o ecossistema marinho, como também põe em risco o estilo de vida de milhões de pessoas que vivem da riqueza dos nossos oceanos. A solução: a pesca sustentável. Dizemos-lhe quais são as suas 7 características principais.

Quando podemos considerar que um método de pesca é sustentável?

A Agência da ONU para a alimentação e a agricultura (FAO) destacou a importância de utilizar métodos de pesca sustentáveis, com benefícios sociais, económicos e ambientais, fundamentados no código de conduta para a pesca responsável da FAO. Algumas das medidas mais destacadas do código de conduta são:

  1. Evitar o excesso de capacidade de pesca e garantir que a exploração das populações continua a ser economicamente viável.
  2. Que as condições económicas em que as indústrias pesqueiras operam promovam a pesca responsável;
  3. Ter em consideração os interesses dos pescadores, incluindo os que praticam a pesca de subsistência, artesanal e em pequena escala;
  4. Preservar a biodiversidade dos habitats e ecossistemas aquáticos e proteger as espécies ameaçadas de extinção;
  5. Permitir a recuperação das populações esgotadas ou, se for o caso, intervir ativamente para restabelecê-las.
  6. Avaliar e, quando apropriado, corrigir o impacto ambiental negativo sobre os recursos causado pela atividade humana.
  7. Reduzir ao mínimo a poluição, os desperdícios, os descartes, as capturas por artes de pesca perdidas ou abandonadas, as capturas de espécies que não são objeto da pesca, tanto de peixes como de outras espécies, e os efeitos sobre as espécies associadas ou dependentes. Para isso aplicam-se medidas como o aperfeiçoamento e a utilização de artes e técnicas de pesca seletivas rentáveis e inofensivas para o ambiente.

Pesca de cerco, uma arte de pesca respeitosa.

O cerco é utilizado em águas abertas, e o seu objetivo é a captura de grandes cardumes de peixes. Com uma enorme rede que pode atingir mais de 1 km de comprimento, os cardumes de peixes são rodeados com lanchas e fecha-se pela parte inferior, deixando os peixes no seu interior.
Esta arte de pesca permite limitar o risco de encontrar espécies indesejadas entre as capturas. Além disso, ao ser realizado no mar aberto, as redes não danificam o fundo marinho, e assim impede-se que o habitat natural das espécies marinhas seja danificado.

O nosso partner de pesca sustentável: Pesca Azteca.

A pesca de cerco é um dos métodos de pesca mais responsável, mas, sem tomar as medidas adequadas, continua a não poder ser considerada sustentável.
A Pesca Azteca é uma empresa pesqueira mexicana com a maior frota atuneira da América Latina. São especializados na pesca de atum de barbatana amarela em cerco MSC e Dolphin Safe AIDCP. Ambos os selos têm um reconhecimento internacional devido ao seu elevado rigor. E graças ao seu método de pesca sustentável, aproximamos o peixe congelado de alta gama das cozinhas de todas as casas.
Pesca Azteca adquire o estatuto de sustentável através do seu objetivo: a procura e captura de atum adulto, de forma a facilitar a sua reprodução adequada. Além disso, durante a pesca, destinam-se recursos para proteger outras espécies que possam ser capturadas nas suas redes. Todas as suas embarcações possuem uma equipa de mergulhadores especializados, dedicados ao resgate de tartarugas e golfinhos capturados nas redes. Para garantir a transparência do processo, um supervisor independente está presente em cada embarcação para verificar se nenhum golfinho foi ferido.